Como saber qual o seu peso ideal

peso ideal - Como saber qual o seu peso ideal

Por mais que pareça uma questão simples, saber se você está ou não com um peso ideal não se trata apenas de um aspecto visual, do tipo taxar se uma pessoa está, aparentemente, gorda ou magra.

Acima de tudo, a questão passa pela precisão matemática para saber como está o seu Índice de Massa Corporal (o famoso IMC).

Bom salientar que esse índice não veio do nada, e sim, de uma convenção estabelecida pela Organização Mundial de Saúde (a OMS), e que indica quais os seus níveis de gordura, além, é claro, se o seu peso está dentro do parâmetro recomendável.

É, portanto, um parâmetro universal, usado por diversos especialistas, como nutricionistas, por exemplo.

Quer ter acesso a um plano ideal e completo para perder peso e queimar gordura? Clique Aqui!

Como calcular o IMC?

peso ideal 1 - Como saber qual o seu peso ideal

Esse é um cálculo muito simples de fazer. Basta você dividir o seu peso em quilogramas pela sua altura em metros elevada ao quadrado.

O resultado obtido terá que ser comparado numa tabela, e aí, sim, estabelecer se você está acima ou abaixo do peso ideal.

Tabela de IMC

Abaixo de 18,5 = abaixo do peso ideal

Entre 18,5 e 24,9 = peso ideal

Entre 25,0 e 29,9 = sobrepeso

Entre 30,0 e 34,9 = obesidade grau I

Entre 35,0 e 39,9 = obesidade grau II

Entre 40 e acima = obesidade grau III

Abaixo do peso ideal

Muitos podem até achar bom o fato do seu IMC ser tão baixo, mas, não se engane.

Um índice assim ficar muito baixo do recomendável indica que a sua saúde não vai bem, o que pode ocasionar doenças ligadas à subnutrição e à carência de minerais.

Sim, é verdade, ser magro demais não é sinal de boa saúde.

Peso normal

Aqui não há muito com o que se preocupar, já que o índice indica normalidade.

O que precisa ser feito é apenas a manutenção do seu corpo e do seu organismo, através de atividades físicas constantes e uma alimentação balanceada.

Porém, mesmo dentro do peso ideal, algumas pessoas podem apresentar problemas em relação ao tamanho da circunferência de seu abdômen.

Se o tamanho da cintura for maior do que 80 cm para as mulheres ou maior do que 94 cm para os homens, isso significa excesso de gordura, algo que pode ser solucionado através de exercícios e de uma boa alimentação.

Sobrepeso (ou, pré-obesidade)

Já aqui o seu peso pode representar um risco para a sua saúde em diversos níveis.

Caso você esteja nesse nível de IMC, e possui hipertensão, diabetes e aumento no colesterol, é mais do que recomendável que você procure um médico, pois, nada de se automedicar, visto que alguns remédios para emagrecer, além de causarem dependência, podem causar problemas sérios à saúde.

Obesidade grau I

Nesse caso, o seu peso já é um risco enorme para várias doenças, como diabetes, hipertensão arterial, infarto no miocárdio e diversas formas de câncer.

Nesse estágio, a obesidade, por si, já é considerada uma doença, e precisa ser tratada com medicamentos.

Obesidade grau II

Aqui, não se tem muito que discutir, pois, os parâmetros servem para o tipo inicial de obesidade, só que com riscos bem aumentados.

Não é preciso nem dizer que um tratamento à base de medicamentos é necessário, não é mesmo?

Obesidade grau III

Aqui, já entramos na categoria da obesidade dita mórbida, e onde, já é preciso uma cirurgia bariátrica (de redução de estômago) para que a pessoa consiga perder peso.

Trata-se de casos que precisam ser tratados com extrema urgência.

E, como se chega ao peso ideal?

Antes de qualquer coisa, é preciso consultar um nutricionista, que é um profissional gabaritado para orientar o que comer, quando comer e porque comer.

É ele quem passará a dieta que for mais adequada às suas necessidades.

Indo para o campo dos exercícios físicos, o ideal, é procurar um professor de educação física para iniciar esse tipo de atividade o quanto antes.

Para quem está abaixo do peso ideal, e deseja engordar, o ideal, de antemão, é que consuma alimentos ricos em proteínas, como ovos, queijo, leite (e derivados) e frango.

As refeições podem respeitar um intervalo de 2 horas entre uma e outra, pois, assim, consomem-se mais calorias.

No entanto, se você está na situação oposta (está acima do peso ideal, e quer emagrecer), comece aumentando o consumo de alimentos como berinjela, gengibre, salmão e as sementes de linhaça, já que aumentam o metabolismo do organismo.

Conclusão

O ideal, mesmo, é verificar caso a caso, sem tomar soluções precipitadas, que podem prejudicar a sua saúde.

Saiba procurar os profissionais certos, e ter ciência de como realmente está o seu corpo.

Dessa maneira, você conseguirá manter uma boa saúde sem muito esforço, alimentando-se da maneira que o seu organismo exige, e tendo prazer e bem-estar ao realizar atividades físicas das quais goste.

rodape 21dias - Como saber qual o seu peso ideal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *